Jogo no amor



Um jogo onde dois participantes montam estratégias para ver quem faz o outro se entregar primeiro, dizer a declaração mais bonita ou explodir de ciúmes. Onde provocar a insegurança alheia é sinônimo de vitória, fazer o outro correr atrás de você é conquista e ser indiferente é ser forte. Seria cômico se não fosse trágico: é o que alguns chamam de relacionamento. Onde dois idiotas de guarda alta passam mais tempo se medindo do que se aproveitando.

O que mais me intriga nisso tudo, é que funciona para uma quantidade assustadora de pessoas. Tem gente que não sabe amar sem levar uns “chega lá” de vez em quando. Que insiste justamente no fulano que não quer saber de compromisso algum. Que a amiga, a mãe, a tia, o cachorro, já falaram “sai dessa”, mas parece que fazer papel de trouxa virou profissão. Tem gente que engole a indiferença com uma facilidade tão grande que me assusta. Que acha que qualquer migalha de amor vai completar o oco do seu coração. Que tem medo de chutar o pau da barraca, levantar a cabeça e achar um amor que realmente te satisfaça. Que merece cada ligação não atendida, cada resposta seca e desinteressada, porque acima de qualquer um, é culpada pela posição que ocupa. 

É uma questão de educação emocional – fugir de tudo aquilo que não é recíproco, que te põe pra baixo e não te completa. Amor é sintonia. A busca não deve ser por instabilidade, e sim por equilíbrio.  Um relacionamento em que você precisa fazer reservas de atitudes e sentimentos, não é um relacionamento onde você deva estar. E se você consegue ser racional e enxergar que merece muito mais do que fulaninho está disposto a oferecer, cai fora! As coisas bonitas da vida foram feitas pra serem compartilhadas apenas com aqueles que sabem valoriza-las.


Quando for amor de verdade, você entenderá. Vocês dois deixarão de ser meros jogadores e passarão a ser espectadores de um romance onde a vida segue sem freios. A busca pela felicidade alheia permeará as prioridades da sua vida e a estabilidade e a paz de uma relação segura farão você pensar: “como não vivi isso antes?”.  Você valorizará cada gesto, cada palavra e se entregar será sinônimo de liberdade. Serão dois apaixonados, derramados um aos pés do outro, dispostos a crescer juntos numa relação que foge do egoísmo e exalta a cumplicidade. 

8 comentários:

  1. Incrível o texto adorei, ♥ Seu blog é lindo, toda vez que eu entro eu me apaixono... Beijos Lay♥

    http://tonsdesentimentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Lay!
    verdade...amor próprio ainda está em falta no Mercado humano...vai entender.
    Eu sei que muita gente se sente só, é fraca e costuma mesmo se parasitar em alguém para poder viver ou dar um significado à sua vida. Mas como se abre os olhos de alguém assim...?

    É estranho, não é questão de verdade absoluta ou certo ou errado. Apenas bom senso e felicidade.

    Concordo com tudo o que escreveu aí.
    adorei o post.

    :**

    ResponderExcluir
  3. Que textão *-* Amei. Triste é ter que concordar que é verdade. Tem gente medrosa demais ou que se acha incapaz de amar. Ai fica nesse jogo. Deveríamos nos amar mais ne ? Ao invés de ficar mendigando ou colhendo migalhas. Amei o texto. Beijos

    www.libertywalks2.com

    ResponderExcluir
  4. Amei o texto! ♥ Você escreve tão bem!
    beijos
    www.perdidanautopia.com

    ResponderExcluir
  5. Confesso que ando meio de mal com o amor, mas não com a esperança.
    Acredito que amor tenha tudo a ver com entrega e confiança e que vale a pena refletir sobre coisas que para você são "besteiras", mas que para o outro pode significar tudo.
    Mas antes de mais nada, é fundamental refletirmos sobre o amor que sentimos por nós mesmos. Por que esse sim precisa ser fiel, inquebrantável! Por que não há a menor possibilidade de amarmos ao próximo, se não amamos nem a nós mesmos.
    Parabéns pelo texto.

    Beijos,
    Camila Leite
    http://docevidainfinita.wordpress.com

    ResponderExcluir
  6. Quando for de verdade, você entenderá! LINDOOOO!
    amei <33 beijinhos, Rê
    http://blogsonhosdeverao.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Que texto mais lindo! Posso dizer que isso realmente é verdade ♥

    www.leferblog.com.br

    ResponderExcluir
  8. Que texto maravilhoso Laay!
    Pensei que só eu tinha essa impressão de alguns relacionamentos!
    Beeijos linda ;*
    www.justmaay.com

    ResponderExcluir